» Início  |  » Favorite  |  » Recomende  |  » Contatos

 

 

Assine o Boletim Evangélico. Escreva seu e-mail

 

 

Powered by Goocrente

Ajude a Divulgar Nosso Site

 

 

 

» Canais


Página Inicial

Marketing Online

Anunciar no Google

Artigos

Blogs

Cartoes Virtuais

Cifras Gospel

Curiosidades Bíblicas

Destaques

Downloads

Fórum

Imagens Gospel

Jogos Biblicos

Literatura

Mensagens

Ministerio Infantil

Mulher

Musica Gospel

Notícias Gospel

Papeis Parede

Pedido de oração

Piadas e Humor

Quiz

Recadinhos

Saúde

Teatro

Variedades

Videos Gospel


» Mensagens


Adoração

Amor / Romance

Chocantes

Dança

Evangelismo

Finais dos Tempos

Jovens

Missões

Namoro

Poemas / Poesias

Polêmicas

Sexo

Mapa de Artigos

Testemunhos


» Para seu site


Conteúdo Grátis

Parceiros

Publique Nossos Textos

Troca de links

Utilitários grátis


» Especiais


Aprenda Piano

Goocrente

Sexo Cristão

Ministério Adorazione

Profecias Brasil

Criciúma

Igreja Batista

Artigos


Link-nos

 

Estudos Biblicos e Artigos Gospel

 


Herança e aliança em Deus
Estudo Biblico por Rene Terra Nova

"Tendo iluminados os olhos do vosso entendimento, para que saibais qual seja a esperança da sua vocação, e quais as riquezas da glória da sua herança nos santos." (Efésios 1:18).

Pela fé, temos uma herança, que firma o nosso pacto com Deus. O livro de Gênesis relata a resolução de Deus em criar o homem à Sua imagem e semelhança (Gn 1:26). Então, dentro dos nossos direitos de herança, descobrimos que fomos feitos para parecermos com Deus.

1. A herança de parecermos com Deus

Você foi criado um pouco menor do que Elohim, e foi coroado de glória e de honra (Sl 8). Ninguém pode roubar essa herança, foi Deus quem deu a você. Você não precisa andar confundido sobre o biotipo de Deus, pois em João 1:12-14, descobrimos que Ele se fez carne, tornou-se gente, ou seja, Ele veio mostrar a imagem e semelhança dEle. Não é Ele que se parece conosco; nós é que fomos criados à semelhança dEle.

Deus, em Sua infinita sabedoria, resolveu se parecer conosco, para que, nesse direito de herança, compreendamos a verdade do Reino e comecemos a ter interesse em sermos semelhantes a Ele. Porque apesar de sermos feitos à Sua imagem e à Sua semelhança, decidimos parecer com nós mesmos, o que não é bom. Na realidade, o homem fez um ato vergonhoso ao não afirmar que se parecia com Deus, mas Deus veio se parecer conosco, para nos reconciliar com Ele.

2. O homem foi criado para dominar

O texto de Gênesis continua dizendo: "... que o homem domine". Domínio é autoridade trabalhada. A primeira palavra que Deus usou para o homem foi sobre o domínio. "Façamos o homem à nossa imagem, conforme a nossa semelhança; e domine sobre os peixes do mar, e sobre as aves dos céus, e sobre o gado, e sobre toda a Terra, e sobre todo o réptil que se move sobre a Terra." (Gn 1:26)

A palavra domínio tem duas associações:

. Demoscratórias, que significa um povo que está debaixo de um governo. O prefixo demo aqui é o mesmo de democracia, democrático. Você, como filho de Deus, tem a unção para ouvir as pessoas e deve ter uma postura de exercer a autoridade.

. Cosmoscratórias, que é o governo das causas físicas, das organizações deste mundo. Você tem, em Cristo, o poder de ser uma pessoa organizada e de ter uma família organizada que trabalha por ordem de comando. Quando Deus disse que derramaria Seu Espírito sobre toda carne, houve uma organização (Jl 2:1). Deus primeiramente organizou um exército. Você e a sua casa não devem ser desorganizados, pois Deus não dá bênção na desorganização.

Organize-se, sabendo que você tem autoridade sobre as causas físicas e espirituais. Você tem poder para organizar as coisas. Foi Deus quem mandou você dominar a Terra. Tenha uma organização com fins específicos. Para você conseguir tomar o território que Deus lhe entregou, organize-se e defina seus alvos.

Agora, para se organizar, você precisa saber onde está; o que está fazendo; por que está fazendo; como está fazendo; para quem está fazendo; que precisa ter domínio e autoridade sobre o que está fazendo.

3. Crescer, frutificar e multiplicar

Uma pessoa nunca fica estática. Sempre está evoluindo. Este é um fator cíclico, tanto no físico quanto no espiritual. Você, agora, não é mais o mesmo de quando começou a ler este estudo, pois houve um acréscimo de conhecimento.

Só cresceremos, frutificaremos e multiplicaremos quando compreendermos o que é crescimento. A ordem é crescer e depois multiplicar. Quem nao entende essa verdade apenas aglomera um grupo de pessoas que não tem a consciência que Deus quer que tenhamos. A frutificação nos mostra como somos e com que tipo de pessoas estamos relacionando-nos.

A Bíblia diz que conhecemos o tipo da árvore pelo fruto que ela dá. Algumas árvores são facilmente reconhecidas, outras não. Frutificação é doutrina, caráter e santidade. Quando crescemos no ministério, começamos a influenciar as pessoas, implantando uma doutrina no coração delas.

Estamos vivendo um momento nas células de uma administração tremenda, o que tem feito com que nos sintamos mais seguros, porque tem sido gerada num testemunho de crescimento com doutrina, caráter e, o primordial, a santidade. Isso forjará líderes de excelência. A despeito das crises, você terá consciência das suas responsabilidades; ainda que venham situações e palavras duras, isso só servirá para trazer os ajustes necessários. Em João 6:60-68, vemos como muitos discípulos de Jesus não estavam preparados para ouvir o que Ele dizia.

A Bíblia faz questão de mostrar que há diferença entre alguns discípulos, entre aqueles que já são constituídos de autoridade. Existem discípulos gerenciando células, mas não têm maturidade para ouvir coisas como os líderes têm. Eles passam por provas, por crises diferentes das células, mas todos seremos aprovados, porque teremos doutrina e caráter irrepreensível.

Deus fez uma chamada a Abrão e ele atendeu, teve seu nome mudado para Abraão (Gn 17:5-6). Em Gálatas 3, vemos que temos direito à mesma herança que o Senhor deu a Abraão: "Ora, tendo a Escritura previsto que Deus havia de justificar pela fé os gentios, anunciou primeiro o Evangelho a Abraão, dizendo: Todas as nações serão benditas em ti. De sorte que os que são da fé são benditos com o crente Abraão" (Gl 3:8-9). "Cristo nos resgatou da maldição da lei, fazendo-se maldição por nós; porque está escrito: Maldito todo aquele que for pendurado no madeiro. Para que a bênção de Abraão chegasse aos gentios por Jesus Cristo..." (Gl 3:13-14).

Você tem respaldo mediante o novo nascimento, para adquirir o direito à herança e à aliança. O homem pecou e havia perdido todos os seus direitos de liderar, mas Jesus veio e restaurou tudo isso. Então, líder, você tem direito às promessas agora não só por causa da herança, mas também da aliança feita através do sangue de Jesus, que é eterna.

Sobre você há o mesmo decreto de Gênesis 17:7. Creia, porque de você sairão governos, autoridades, príncipes, domínio e liderança. A promessa feita a Adão por herança, Deus repetiu a Abraão por aliança, e foi extensiva a nós. Portanto prossiga, faça discípulos de todas as nações. E jamais esqueça: Jesus está conosco todos os dias, até tudo ser consumado.

Que Deus nos abençoe
Rene Terra Nova
http://www.mir12.com.br/
contato@mir12.com.br


Gostou deste texto? Envie a um amigo!


Publique Artigos

Opine


O que você acha da Rede Record?



Prega princípios bíblicos
É uma mistura entre secular e cristão
É uma emissora como outra qualquer


    resultados

 

 Busca e Pesquisa Evangélica

 

Ouça o CD que têm causado milagres e transformação no Brasil! Ramon Tessmann 2009

 

 

Política de Privacidade    Mapa do Site    Quem Somos    Contate-nos   

Copyright © Since 2006 LinksdeJesus.com

Mais: Downloads  Pregação  Videos  Orkut Gospel  Estudos  Poesias Amor